250 pessoas morreram em acidentes de trânsito nas rodovias federais do Paraná no 1º semestre, diz PRF


Duzentas e cinquenta pessoas morreram em acidentes de trânsito nas rodovias federais do Paraná no 1º semestre de 2019, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O balanço da PRF foi divulgado nesta terça-feira (9). Os dados indicam que metade das mortes foi causada por atropelamentos e batidas frontais. *Confira todos os números no fim da reportagem.
Segundo a PRF, essas 250 mortes representam um aumento de 8,2% na comparação com o mesmo período do ano anterior. No 1º semestre de 2018, foram registradas 231 mortes.
O número de feridos ficou parecido. Nos seis primeiros meses deste ano, foram 4.102; enquanto no 1º semestre de 2018, a PRF registrou 4.095.
Apesar de a quantidade de mortes ter aumentado, o número de acidentes caiu 10,6% – de 4,1 mil para 3,7 mil.
A PRF ressaltou que as principais causas de acidentes fatais foram (na respectiva ordem):
  • Desobediência às normas de trânsito
  • Desatenção
  • Excesso de velocidade
  • Ingestão de bebidas alcoólicas
  • Ultrapassagens malsucedidas
Confira todos os números do balanço
  • 250 mortos
  • 4.102 feridos
  • 3,7 mil acidentes
  • 1.739 motoristas bêbados
  • 9.877 ultrapassagens proibidas
  • 130.677 veículos acima da velocidade
  • 951 crianças sem cadeirinha
  • 4.060 toneladas de excesso de peso

Fonte: g1 - Postado em 09/07/2019



Copyright 2019 - Todos os Direitos reservados