STF suspende liminar, e praça de pedágio de Jacarezinho será reativada


O Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu, nesta sexta-feira (9), a decisão que havia liberado as cancelas da praça de pedágio de Jacarezinho, no Norte Pioneiro. Com a determinação, a praça será reativada, e a cobrança na praça de Cambará será suspensa.

A praça de Jacarezinho está desativada desde 23 de novembro de 2018, após determinação do juiz da 1ª Vara Federal de Jacarezinho.
A decisão judicial foi decorrente de uma ação civil pública proposta pelo Ministério Público Federal (MPF) contra um esquema criminoso identificado nas investigações da Operação Integração I.
A primeira fase da operação, que teve como foco irregularidades na Econorte, indicou que foram aprovados aditivos ao contrato de pedágio mediante pagamento de propina.
Por meio de nota, a concessionária Econorte informou que diante da suspensão da liminar, a praça voltará a cobrar pedágio a partir da 0h de domingo (11). Simultaneamente, a praça de Cambará será desativada.
Veja os valores na imagem abaixo.
Econorte divulgou os valores de pedágio que serão cobrados na praça de Jacarezinho — Foto: Econorte/Divulgação
Econorte divulgou os valores de pedágio que serão cobrados na praça de Jacarezinho — Foto: Econorte/Divulgação

Fonte: G1 RPC- Foto: Portal JNN Notícias/Jivago França - Postado em 09/08/2019



Copyright 2019 - Todos os Direitos reservados