De virada, o Cruzeiro vence o Corinthians por 2 a 1, em Itaquera


O Cruzeiro venceu o Corinthians por 2 a 1, em plena Arena Corinthians, na noite deste sábado (19). O Timão começou na frente com Fagner, mas permitiu o empate da Raposa, com Fred e a virada veio no segundo tempo com Éderson. 
Os mineiros conseguiram a segunda vitória sob o comando de Abel Braga e chegaram a 28 pontos, ficando fora da zona de rebaixamento temporariamente. 
PUBLICIDADE
O resultado foi o quinto jogo que os corintianos não vencem no Campeonato Brasileiro. Os paulistas seguem com 44 pontos, na quarta colocação, mas podem terminar a rodada em sexto lugar. 
O jogo
Logo aos 2 minutos da partida, Gustagol quase fez o primeiro gol corintiano. Fagner avançou pela direita e o atacante finalizou por cima do gol de Fabio. 
Mas o Cruzeiro não se intimidou e dominou o jogo, pressionando o Corinthians no meio campo. Mesmo sem conseguir chegar ao gol paulista com organização, Fred teve chance de marcar aos 23 minutos, mas errou a finalização. 
O Timão tentou com cruzamento ou bolas paradas. Foi depois de um escanteio que Pedrinho quase chegou para finalizar, aos 31 minutos. 
Dois minutos depois, a jogada cruzada deu certo! Danilo Avelar cruzou na segunda trave, Gustagol dividiu com Fabrício Bruno e Fagner aproveitou a sobra para fazer o primeiro gol do jogo e o de número 11 mil da história do clube.
Empate depois do VAR
Não demorou muito e o Cruzeiro conseguiu empatar. Com a ajuda do VAR, o árbitro Bruno Arleu de Araújo deu pênalti depois que bola de Marquinhos Gabriel  bateu no braço de Méndez na área. Fred cobrou e deixou tudo igual no Itaquerão. 
Até o fim da primeira etapa, os mineiros tiveram o controle do jogo, mas pararam no goleiro Walter. 
Segundo tempo
Como na primeira etapa, antes dos 5 minutos os paulistas poderiam ter marcado. Pedrinho ficou com a bola, após saída errada do Cruzeiro, e chutou forte de conhota. Fabio fez uma ótima defesa.
Publicidade
Fechar anúncio
O goleiro cruzeirense ainda parou uma tentativa de Janderson, aos 19 minutos. 
A Raposa teve a primeira chance real de gol só aos 23 minutos, com Fred. Thiago Neves cruzou na segunda trave para o atacante, que tentou de carrinho. 
Mas aos 25 minutos, Fagner recuou no meio de campo e a bola ficou com Éderson. Sozinho, o cruzeirense chegou a parar pensando que estava impedido, mas seguiu sozinho, dirblou o Walter e fez o segundo do time mineiro. 
Os jogadores do Corinthians reclamaram muito da validação do gol, porque o assistente chegou a marcar impedimento. Mas como o passe foi feito pelo lateral do Corinthians, o lance foi normal. O técnico Fabio Carille foi expulso, depois de brigar com o árbitro.
Próximos jogos

Na próxima rodada, o Corinthians tem um clássico pela frente. No sábado, às 17h, recebe o Santos na Arena Corinthians. No mesmo dia, só que às 21h, o Cruzeiro pega o Fortaleza, no Mineirão.  

Fonte: Estadao conteudo - Postado em 20/10/2019



Copyright 2019 - Todos os Direitos reservados