Mesmo com vazamento de um dos modelos da Prova Paraná 2022, aplicação é mantida nesta quinta (5), diz Seed


Exame tem objetivo de fornecer diagnóstico sobre nível de aprendizado dos estudantes de cada série em relação aos conteúdos abordados em sala de aula. Primeiro dia de provas ocorreu na quarta (4).

Mesmo após vazamento na internet de um dos modelos da Prova Paraná 2022, aplicação foi mantida nesta quinta-feira (5). O primeiro dia de provas ocorreu na quarta (4).
Segundo a Secretaria Estadual de Educação do Estado do Paraná (Seed), o vazamento dessa prova específica não a coloca em risco, porque ela é uma avaliação de caráter exclusivamente diagnóstico, não de desempenho não vale nota para nenhuma disciplina.
"A prova não foi e não será anulada em nenhum colégio. É importante que todos os alunos a façam, uma vez que os resultados ajudarão docentes e gestores escolares a mensurar quais conteúdos foram bem entendidos e quais precisam ser reforçados".
A secretaria ainda informou que os estudantes fazem o exame sem acesso a dispositivos eletrônicos, nem consulta a materiais impressos.
A prova
A Prova Paraná é aplicada a todos os estudantes da rede estadual de ensino. Esta edição é a primeira em formato totalmente presencial desde 2020.
O exame, que abrange todas as disciplinas, tem o objetivo de fornecer um diagnóstico sobre o nível de aprendizado dos estudantes de cada série em relação aos conteúdos abordados em sala de aula neste primeiro trimestre.
Outras duas provas acontecerão em 2022, para avaliar os dois outros trimestres letivos.
As avaliações são aplicadas em cada escola, com duração de 2h30 por dia, durante o horário de aula. Os resultados auxiliam os professores e as equipes gestora e pedagógica dos colégios a aprimorar ações pedagógicas e estratégias de ensino-aprendizagem.
"Não é uma avaliação de desempenho, é uma avaliação diagnóstica. É para entender como está a minha turma, o meu estudante, e quais serão os meus passos futuros. É um raio-x para a gente tomar as próximas medidas, entender quais conteúdos precisam ser revistos, quais habilidades devem ser aprofundadas com os estudantes e de quais delas eles já se apropriaram", diz Roni Miranda, diretor de Educação da Seed.
A correção continuará sendo realizada por meio do aplicativo Corrige ou manualmente, via site e scanner. Os dados serão divulgados por meio do Power BI para toda a rede estadual de ensino.
Divisão dos cadernos
No primeiro dia de prova, os estudantes responderam a questões das áreas de linguagens e de ciências humanas.
Já no segundo dia, o conteúdo é referente às áreas de matemática e ciências da natureza.
A divisão é a mesma para todos os estudantes da modalidade regular, desde o ensino fundamental II (6º a 9º ano) até o ensino médio (1ª a 3ª série).
Já para estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA), a divisão dos conteúdos varia de acordo com o semestre sendo cursado pelo estudante.
As escolas também fornecerão provas adaptadas às necessidades dos estudantes da educação especial.

Fonte: G1 - foto: Divulgação Seed - Postado em 05/05/2022



Copyright 2022 - Todos os Direitos reservados